NOVA LIÇÃO

Foi tudo má impressão
Limpo está meu coração
Em prol do amor e da união
Disse sim por muitas vezes
Quase nunca disse um “não”
E o “não” que veio a tona
Foi um não com incerteza
Foi um “não” sem solução
Foi um “não” sem a beleza
Inclusive que nem disse
Pelo contrário, ouvi
Sem saber do agravante
Que no acaso, singeleza
Nessa hora merecia
Sem maldade… E sei que sim!

Sou poeta
Claro! Quem sabe, bom melodista
E da vida antiprojeto. Um, entre tantos, artista.
Sem diretriz, sem padrão
Sou qual ave desgarrada nas injurias da paixão
E sei que nos confins da vida
Aprendiz de outra lição
Que poesia verdadeira
Careça talvez de ilusão

São Paulo, 20/02/2002
Magnu Sousá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s